Sign In
Início do conteúdo
​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​Sala de Imprensa​​​​​​

Newsletter​​​​​​

Cartilha Médica auxilia no entendimento da invalidez permanente

Publicado em segunda-feira, 15 de junho de 2020

Newsletter - 15/06/2020 - 140ª Edição

A cobertura por invalidez permanente do Seguro DPVAT é a mais solicitada por vítimas de acidentes de trânsito. Em 2019, foram mais de 235 mil pagamentos, representando cerca de 69% do total. Em 2020, já são mais de 76 mil pagamentos para pessoas que ficaram com algum tipo de invalidez permanente. Para esclarecer as principais dúvidas sobre o direito e o cálculo das indenizações, os beneficiários contam com a “Cartilha Médica DPVAT”.

A publicação apresenta as principais definições, regras e consensos médicos que contemplam a cobertura. O material também esclarece as informações para dar entrada no pedido de indenização, detalhes sobre documentação, além de como o processo funciona na prática e os motivos que podem levar à negativa – quando o pagamento da indenização não é aprovado. Outro destaque do material é a tabela prevista na Lei 6.194/74 (alterada pela Lei 11.945/2009) e alguns exemplos de aplicação da legislação, que são, inclusive, demonstrados em um infográfico na página 15.


A cartilha inclui exemplos de casos reais para demonstrar quando é possível ou não dar entrada do pedido de indenização por invalidez permanente. O documento ainda lembra que, para dar entrada no pedido, é preciso ter concluído o tratamento médico, comprovando uma sequela definitiva, sem a possibilidade de reabilitação, por meio da documentação médica completa.

O prazo para análise e resposta da solicitação é de até 30 dias, como previsto em Lei. A lista com todos os detalhes sobre a documentação completa para cada cobertura pleiteada está disponível no site da Seguradora Líder.

A Cartilha Médica DPVAT completa está disponível clicando aqui.




​Mais artigos​